Descubra Receitas de Natal

Tomate: Benefícios, Dicas e Molhos

Informações da dica

tomateEmbora muitos considerem o tomate como sendo um legume, ele é um fruto. De formato arredondado e cor vermelha, o tomate é um alimento rico em licopeno (agente anticancerígeno). Possui também boa quantidade de vitaminas C, A e complexo B também funciona como antioxidante, combatendo os radicais livres.

Possui sais minerais como, por exemplo, ácido fólico, potássio e cálcio. É um alimento de baixo teor calórico (apenas 15 calorias por 100 gramas de tomate).

Os tipos mais consumidos no Brasil são: italiano, carmem, cereja, caqui e santa cruz.

É muito consumido na culinária brasileira e mundial. Tratamento e prevenção do câncer de bexiga, mama e próstata, reduz o colesterol, antioxidante Usado em saladas, lanches, sucos e no preparo de molhos. O tomate vermelho possui mais nutrientes do que verde. A planta que produz o tomate chama-se tomateiro.

Tirando a pele dos tomates

Para tirar a pele dos tomates facilmente, ferva uma panela com água abundante. Tire o "olhinho verde" do tomate. Na extremidade lisa, faça um corte superficial e em cruz. Mergulhe os tomates na água fervendo. Em cerca de 1 minuto a pele começa a soltar. Nesse momento, retire o tomate e mergulhe na água com gelo. Pronto.... agora é só puxar a pele com a mão.

Muitas vezes precisamos de um tomate descascado mas não cozido. Para isto basta espetar um garfo num tomate e girá-lo sobre uma chama, somente até que a pele comece a rachar e fique um pouco queimada.(Cuidado: não segure perto da chama por muito tempo, senão o tomate amolece). Corte a parte do cabinho com uma faca afiada e puxe a pele.

Molho de Tomate

Acrescente um pouco de água, pedaços de batata ou cenoura e deixe ferver. Depois, retire os legumes e use o molho. Você também pode adicionar ao molho, depois de pronto, 1 pitada de açúcar, ou 1 colher (sopa) de creme de leite.

Sem acidez

  • Opção 1: refogue-o com azeite de oliva ao invés de óleo comum. Os molhos ficarão mais saborosos se você acrescentar o sal quando ele já estiver quase pronto.
  • Opção 2: você poderá substituir o açúcar por meia cenoura, cortada em pequenos pedaços.
  • Opção 3: acrescente uma colher de sopa de leite e uma pitada de açúcar. Para que o molho de tomate não fique ácido, acrescente uma colher de sopa de creme de leite. (Dica do Chef Bouche D'Or)
  • Opção 4: polvilhe um pouco de açúcar sobre o molho. Prepare o molho de tomate como de costume, depois que estiver pronto, adicione 1 colher de chá de bicarbonato de sódio e mexa. Este procedimento, retira toda a acidez do molho.

Conservando tomates e seu molho

Você já calculou o tanto de extrato de tomate que vai par o lixo? Você usa um pouquinho, o que sobra volta para a geladeira e depois de poucos dias: lixo! A solução é congelar. Depois, corte a caixinha com uma tesoura de cozinha e retire o extrato congelado. Embrulhe em filme plástico e volte ao freezer. No momento de utilizar, retire o extrato do freezer e corte a porção desejada. O restante volte ao congelador, onde pode ficar guardado por até 3 meses. Um pouco de economia não faz mal a ninguém!

Tomates: Congele os tomates inteiros, um a um. Depois de congelados coloque-os num saco plástico. Quando for usá-los, retire-os do freezer e com uma faca tire a pele imediatamente debaixo de água corrente. É que, assim, ela sairá facilmente e o tomate poderá ser usado para molhos e refogados.

Molho de Tomate: Coloque-o em forminhas de gelo, espere congelar, e guarde os cubinhos no freezer, em sacos plásticos próprios para congelamento. Para guardar aquele extrato de tomate que sobrou na lata, utilize o seguinte recurso: coloque a sobra em um Recipiente de vidro ou louça, depois cubra com óleo de cozinha ou azeite. E guarde na geladeira.

Se sobrar massa de tomate pronta na lata, transfira para um pote de vidro, cubra com óleo e guarde na geladeira. Assim, ela irá durar mais tempo.

Variação: Tomate-Caqui

Tomate caqui é aquele bem grande, pode ter até dez centímetros de diâmetro, também é conhecido em algumas regiões como tomate paulista. O seu nome é de origem azteca Tomatl, tornou-se conhecido a partir do século XVI com a chegada de espanhóis e portugueses à América.

Mais dicas